terça-feira, 22 de outubro de 2013

Método para estudar Matemática


O que é estudar? Muitas vezes ouvimos a expressão “quanto mais estudo, piores notas tenho!”. Porque será que isto acontece? Na verdade, basta um jovem não ter um método de estudo, e a quantidade não se irá refletir na qualidade. E com a falta de eficácia desse estudo vem a desmotivação.

Mas além de um método de estudo e do tempo dedicado, existem também outros fatores importantes para o sucesso escolar, tais como uma boa organização dos apontamentos, um bom ambiente de estudo, e ainda, uma boa alimentação, uma quantidade de horas de sono adequada, e o não abuso da utilização de novas tecnologias.  



Estudar Matemática

Estudar Matemática é muito diferente de estudar para disciplinas mais teóricas, e um dos erros fundamentais de muitos alunos é tentarem estudar da mesma maneira. Matemática não se estudar simplesmente lendo. Mas também não se estuda, simplesmente fazendo exercícios. Outro dos erros dos alunos é fazerem as tarefas pedidas sem a preocupação de perceber o que vai fazer. Para muitos jovens, basta fazer, e assim o stor já não chateia. Deve haver uma estruturação do nosso estudo, um método, de maneira a que todo o processo seja construtivo.


Como?



Método de estudo

Em primeiro lugar é essencial entender que não se estuda Matemática para as fichas de avaliação. Estuda-se sempre. Seja a realizar os exercícios na sala de aula, seja a fazer um TPC, seja quando se estuda especificamente para uma ficha de avaliação. Assim, não se pode pensar num método de estudo para os testes, mas sim um método de estudo que seja a base para o nosso estudo na Matemática.

A minha experiência com alunos, aos quais ensino sempre este método, ensinou-me que nem todos os seguem, mas os que o fazem, conseguem melhorar significativamente os seus resultados escolares. Aqueles que não o seguem, muitas vezes é devido ao facto deste método ocupar um pouco mais de tempo no dia-a-dia, como verá a seguir. No entanto, estamos a falar de mais alguns poucos minutos, mas que farão uma grande diferença.


  • Os 3 passos na realização de uma tarefa

- Antes de qualquer tarefa, deve-se sempre ler os apontamentos teóricos sobre o tema e ver (e/ou resolver) os exercícios dados como exemplos ou outros já realizados na aula.

- Fazer a tarefa. À medida que alguma dificuldade apareça, dever-se-á procurar a solução para esse problema nos apontamentos e exercícios já resolvidos. Neste passo, se mesmo assim não conseguir perceber algo, deverá apontar e tirar essa dúvida ao seu professor ou a um explicador.

- No final da tarefa, deve-se sempre “pensar” no resultado que foi obtido, e refletir se tem lógica perante o que nos foi pedido.



Preparação para as fichas de avaliação

O método apresentado aqui deve ser utilizado diariamente. Assim, se for seguido num estudo regular, quando chega uma ficha de avaliação, a maior parte do trabalho já estará feito. No entanto, deve ser feito uma preparação mais intensa para o teste para rever todos os temas que serão avaliados. Assim, o estudo deve ser inicialmente dividido por temas.

  • Para cada tema:

1º - ler os apontamentos teóricos e ver os exercícios dados como exemplos;

2º - realizar de novo os exercícios realizados e corrigidos no caderno diário. Quando aparece alguma dúvida, deve-se em primeiro tentar descobrir a solução nos apontamentos, e apenas depois, comparar com o exercício corrigido;

3º - realizar novos exercícios, cada vez mais com um grau de dificuldade alta (aqui deve-se aplicar o método dos 3 passos);


No final do estudo de todos os temas, há lugar à resolução de exercícios e problemas que aglutinem todos esses assuntos. Na Matemática, tudo está interligado!


2 comentários:

  1. Eu estou no 9- Ano e encontrei um método de estudo matemático que sempre me dão bons resultados:

    Primeiro, eu presto atenção na aula do professor e anoto em meu caderno os "conceitos" e exemplos de resolução que ele dá.

    Quando chego em casa, procuro na internet outra explicação para o assunto que está sendo estudado.Sempre atento, para não encontrar uma explicação FALSA ou errada.

    Depois eu pego meu caderno que eu pedi para meus pais comprarem exclusivamente para o estudo de matemática, e começo a partir do que já vi, a fazer a minha própria explicação de como fazer aquilo, sempre com exemplos práticos.Faço isso com muito capricho, para ficar algo bom de se olhar e fácil de se entender.O resultado é que no final a matéria entra na minha cabeça, sem eu nem precisar ler o que escrevi.

    Cada matéria costuma ocupar apenas uma folha deste caderno, então ele dura durante todo o período escolar, então outro beneficio é que se depois de alguns anos você esquecer de algum conteúdo já estudado, basta você ler sua própia explicação, e aquilo já fica fresco na sua mente novamente!

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Ajude-nos a divulgar o nosso blog. Clique no botão abaixo.